Invista na sua saúde – coma bem!


por Catarina Rosa Tacanho, farmacêutica
Farmácia Rosa, Caldense e Santa Catarina
“SOMOS O QUE COMEMOS”, já dizia o ditado.Somos o que comemos - pratique uma alimentação saudável e saborosa.
E nada poderia ser mais verdadeiro nos dias que correm que esta frase.
Para nos situarmos, a má alimentação ou a alimentação pouco saudável é
responsável pelo aparecimento de inúmeras doenças como a diabetes tipo II,
obesidade, doenças cardiovasculares e cancro. Mais de 60% do números de
mortes estimadas são provocadas por doenças relacionadas com a alimentação.
Está nas nossas mãos melhorar estes números.
DEZ dicas para melhorar desde já a sua alimentação e a sua saúde:
1. Comece por adoptar a dieta mediterrânea, que foi considerado pela UNESCO património imaterial da Humanidade. Consiste na ingestão de
produtos frescos e da época, com muitos vegetais. Utiliza o azeite como gordura predominante, faz da SOPA prato de honra, e inclui também muitas leguminosas (feijão, grão, ervilha por exemplo) e bom pão;
2. Faça exercício físico regular (30 minutos por dia);
3. Faça pelo menos 3 refeições principais – e coma de 3 em 3 horas. Intercale pequenos lanches saudáveis entre as refeições;
4. Beba água – pelo menos 1,5 litros/dia. Pode acompanhar a refeição com
um copo de vinho – mas EVITE bebidas como refrigerantes, sumos, etc;
5.Varie a sua alimentação – o mais possível – de modo a comer um pouco de
tudo – com predominância para os hortícolas, cereais pouco refinados e
frutas (2 a 3 peças por dia); .
6. Modere o consumo de proteína – preferindo sempre o
peixe à carne, e moderando o consumo de carnes vermelhas. Os ovos são também uma excelente opção;
7. Evite o consumo de sal em excesso – podendo dar sabor aos seus
cozinhados através de ervas aromáticas e outros condimentos;
8. Inclua na sua alimentação, embora em quantidades reduzidas frutos secos, azeitonas, tremoços, sementes e super alimentos como chia, linhaça, cânhamo, papoila, abóbora, papoila, sésamo, quinoa, aveia. Ideias para pequenos lanches a meio do dia, por exemplo misturando num iogurte (magro ou natural);
9. Evite alimentos demasiado processados – utilize alimentos frescos e
cozinhe-os de forma saudável preferindo os grelhados, cozidos, ou
estufados; Prefira legumes e frutas biológicas pois o seu conteúdo
nutricional é mais rico;
10. Partilhe as suas refeições com a família e amigos. Ser saudável em
conjunto é muito mais fácil e divertido. E é uma excelente forma de educar os mais pequeninos para fazerem o mesmo! Seja feliz.
Publicado na Gazeta em Maio de 2015

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.